Translate

quarta-feira, 17 de agosto de 2005

Prosseguindo com a minha série de previsões apocalípticas...
Esses governos "responsáveis" e "honestos" aos quais nos submetemos querem nos enfiar chips de tudo quanto é jeito para monitorar nossas vidas e roubar de nós um dos poucos direitos que nos restam: privacidade.
Agora o Governo do Brasil quer OBRIGAR os motoristas a usar chips colados nos para-brisas dos veículos.
Sinceramente, qualquer um que OBRIGA alguém a qualquer coisa não tem o direito de falar em democracia, palavra que os políticos adoram usar em suas campanhas.
Aliás, falando em campanhas, um bom exemplo, pode ser coisa pequena (tipo um Land Rover... Caso algum desses políticos queiram me dar um desses de presente...) Bom, sempre digo que os exemplos partem de cima, ou seja, dos nossos superiores em poder... Quando somos crianças, buscamos nossos pais como exemplos. Já quando crescemos... Bom, nem precisa dizer, né?
Como todo brasileiro já está pra lá de acostumado com essas histórias de escândalos na política que nunca acabam em nada é de se imaginar o porquê de o brasileiro ter a má fama internacional que tem com relação à confiabilidade.
Mas voltando ao assunto... com que moral o Governo do Brasil faz campanhas publicitárias nos dizendo como devemos nos comportar e ainda por cima nos OBRIGAR a alguma coisa?
Já não fazemos a nossa parte como cidadãos, trabalhadores e PAGADORES DE IMPOSTOS (um monte deles... a maior taxa tributária do planeta, diga-se de passagem)?
Não sei pra que tanto estardalhaço com relação à tal "crise" de que falam tanto. "Crise", inclusive que não me surpreende nem um pouco.
Aliás, se você observar cuidadosamente os números da economia, perceberá que ela nunca esteve tão bem (enquanto o Governo não governa porra nenhuma atolado na própria sujeira).
A conclusão que eu chego disso, é que não precisamos de um Governo para nos consumir através de impostos, taxas e tarifas que JAMAIS voltam efetivamente para nós, contribuintes. Se voltassem com juros e correção monetária, o mínimo que cada brasileiro ganharia seria um Land Rover e estradas com acostamento em tapete persa.
Agora falando em nível internacional... se não bastassem os problemas que já temos com o Governo do Brasil, é estranho como se fala tão pouco no terrorismo em nível mundial que os EUA têm promovido com sua expansão militar pelo mundo, plantando bases militares para rastreamento de comunicações eletrônicas, construindo escolas com as quais certamente implantarão idéias contra seus inimigos (ou países que pretendem invadir) exatamente como os nazistas fizeram durante o seu Reich e bradando aos quatro cantos que são os mocinhos bonzinhos e que o resto do mundo todo é mau... Ridículo! Porque não assumem logo que estão desesperados para se manter no poder, caramba!?
Poder é controle e ponto final. Seja político, estratégico, econômico, cultural... não importa.
Todos os impérios que tentaram controlar tudo isso de uma só vez, falharam, sucumbiram e dizimaram antes, populações inteiras.
E por falar em dizimar populações inteiras, não é preciso ser muito inteligente para perceber que o Brasil é meio que "quintal" dos EUA, pois nosso "governo fantoche" já é controlado por eles desde que nos emprestaram (junto com os ingleses), o dinheiro com o qual compramos de Portugal o nosso título de "país independente".
Agora juntemos as peças... bases americanas cercando o Brasil, séries de escândalos do governo vindo a público, países vizinhos sendo "manipulados" culturalmente... só falta desarmarem a população para que a desordem se inicie em larga escala, se apresentando como um "motivo internacional" para "intervenção" (leia-se: "invasão militar estrangeira").
Convém lembrar que praticamente em todos os lugares onde a população foi desarmada, os índices de violência aumentaram dramaticamente, quando a população indefesa não foi perseguida e dizimada ou por invasões estrangeiras, ou pelas próprias forças armadas que deveriam protege-la, em nome de alguma "revolução".
Me pergunto se os chineses e japoneses não estariam esperando os EUA dominarem todo o mundo ocidental para tomarem os EUA... afinal de contas, nenhum império dura para sempre.

Nenhum comentário: