Translate

segunda-feira, 24 de março de 2003

Ser nerd é bem mais difícil do que parece.
Não conheço nenhum nerd que não seja "rotulado" pelas pessoas.
Socialmente somos tidos como loucos, desligados, distraídos, deslocados... É porque de fato, costumamos ser assim mesmo.
Profissionalmente, somos meio que viciados em informação e claro, isso tem consequências.
No meio social, muito pouca coisa nos parece idiota, bobo, ou desagradável.
Não costumamos ligar para regras de etiqueta, para status ou classe social. Ou seja, para nós, todos nós, humanos, somos iguais.
Talvez por isso mesmo, não tenhamos o dom de discernir o que pode ser desagradável para as outras pessoas.
Geralmente quem mais sente isso são nossas(os) namoradas(os). O que acaba por nos magoar bastante.
Esses sim, são heróis.
São as pessoas "normais" que nos ligam ao mundo "normal", que nos estimulam e nos dão a força de que precisamos para representarmos algo na sociedade que nos ignora, mas depende de nós, sem saber, pois todo o seu conforto, um dia foi inventado e desenvolvido por nerds.
Gente esquisita que costuma trocar o dia pela noite e trabalha enquanto o mundo à sua volta dorme.

Nenhum comentário: